Estrela fugitiva corre a 400 mil km/h

O Cluster de estrelas circulado à esquerda; à direita, a estrela fugitiva que está a mais de 300 anos-luz de casa, destacada na parte inferior.

Uma grande estrela está correndo de sua casa no espaço a mais de 400 mil km/h.

Nesta velocidade, seria possível ir e voltar da Lua em duas horas.

Este é o caso mais extremo de estrela que foi expulsa de seu berçário original pela presença de “irmãs” ainda maiores.

A estrela sem-teto deve ter viajado mais de 375 anos-luz do que acredita-se ser sua casa – um aglomerado gigante chamado R136. Este cluster está localizado no centro da Nebulosa 30 Doradus e contém diversas estrelas com mais de 100 vezes a massa do nosso Sol.

A mais de 170 mil anos-luz, a 30 Doradus também é conhecida como Nebulosa Tarântula, um local agitado de nascimento de estrelas próximo à Grande Nuvem Magelânica.

A descoberta desta fugitiva reforça as evidências de que as maiores e mais massivas estrelas do chamado “universo próximo” estão na 30 Doradus - o que a torna um laboratório único para estudar estes corpos celestes peso-pesado

Nenhum comentário:

Posição Planetária Atual - Clique na imagem Posição Planetária Atual - NASA

O céu da sua cidade - Clique aqui - Apolo11.com

O Sol Agora - Clique na imagemPosição Planetária Atual - NASA