Nasa divulga imagem de gigantesco berçário de estrelas


do Terra

A Nasa divulgou uma imagem em infravermelho registrada pelo telescópio Wise da nebulosa Tarântula, localizada no sul da constelação de Dourado, na Grande Nuvem de Magalhães, uma das galáxias mais próximas à Via Láctea. A nebulosa é a maior região de formação de estrelas conhecida no Grupo Local (que engloba 30 galáxias, incluindo a gigante Andrômeda), com cerca de 1,9 mil anos-luz de comprimento.

A Grande Nuvem de Magalhães está a 160 mil anos-luz da Via Láctea, considerada próxima em termos galácticos. Além disso, a vizinha está orbitando a nossa galáxia e esse movimento causa a compressão de gás e poeira na sua borda principal, o que leva à grande quantidade de nascimentos de estrelas em Tarântula.

A imagem divulgada na verdade é um mosaico formado com registros dos quatro detectores infravermelhos do Wise. O azul e o ciano representam comprimento de onda de 3,4 e 4,6 microns, espectros dominados pela luz de estrelas. Verde e vermelho representam a luz entre 12 e 22 microns, que registra a poeira estelar quente.

Nenhum comentário:

Posição Planetária Atual - Clique na imagem Posição Planetária Atual - NASA

O céu da sua cidade - Clique aqui - Apolo11.com

O Sol Agora - Clique na imagemPosição Planetária Atual - NASA