Futuros sistemas solares na Nebulosa de Órion

Como se formam os planetas? Para ajudar a descobrir, o Telescópio Espacial Hubble foi encarregado de dar uma visão detalhada de uma das mais interessantes de todas as nebulosas astronômicas, a Grande Nebulosa de Órion. A nebulosa de Órion, visível a olho nu perto do cinturão da constelação de Órion, é uma região próxima com um imenso berço de estrelas e provavelmente o mais famoso de todas as nebulosas astronômicas. Os quadros em destques acima mostram alguns berçários estelares que provavelmente abrigam sistemas planetários em formação. Alguns brilho de disco protoplanetários aparecem como discos de luz em torno de estrelas brilhantes, enquanto outros contêm discos mais longe de sua estrela-mãe, contém poeira fria, e portanto aparecem como silhuetas escuras contra o brilho dos gases. Estudar esta poeira, em particular, está dando uma visão de como os planetas estão se formando. Muitas imagens também mostram arcos protoplanetários que são ondas de choque - onde o material movendo rapidamente encontra o gás mais lento. A Nebulosa de Órion fica a cerca de 1.500 anos luz distante e está localizado no mesmo braço espiral da nossa Galáxia como o nosso Sol.

Créditos: NASA & Hubble

Nenhum comentário:

Posição Planetária Atual - Clique na imagem Posição Planetária Atual - NASA

O céu da sua cidade - Clique aqui - Apolo11.com

O Sol Agora - Clique na imagemPosição Planetária Atual - NASA