Trio de Leão (Galáxias M65, M66 e NGC 3628)


As galáxias M65 (à esquerda), M66 (em baixo) e NGC 3628 (em cima) formam um trio a cerca de 35 milhões de anos-luz que se pode observar na direcção da constelação de Leão.

A M65 (NGC 3623) , de magnitude 9.3, brilho superficial de 12.8 e com dimensões aparentes de 8x1.5 minutos de arco, foi descoberta em 1780 por Charles Messier. É uma galáxia do tipo Sa cujo luminoso disco é dominado por uma já velha população estelar, embora algumas zonas do disco possam estar associadas a regiões de formação de estrelas (pequenos nódulos brancos que se podem ver na imagem).

A M66 (NGC 3627) foi descoberta em 1780 por Charles Messier. De magnitude 8.9, brilho superficial de 12.7 e do tipo Sb, apresenta claramente braços espirais deformados pela interacção gravitacional com as galáxias suas vizinhas. Ainda que as suas dimensões (8x2.5 minutos de arco) sejam aproximadamente as mesmas, a M66 é mais brilhante e melhor definida que a M65. Os braços espirais apresentam nuvens de poeiras e nebulosas, sinais de formação estelar.

A NGC 3628 foi descoberta por William Herschel em 1784. É a menos brilhante do trio (magnitude 9.5, brilho superficial de 13.4 e tipo Sb) mas, em nossa opinião, a mais interessante. É uma galáxia colocada de perfil face à nossa linha de visão e onde é possível observar um disco de poeiras claramente distorcido nas regiões externas devido à acção gravítica das galáxias vizinhas, M65 e M66.

Na imagem é ainda possível vislumbrar mais quatro pequenas galáxias: A IC 2694 , a IC 2708 , a IC 2745 e a IC 2776 , de magnitudes, respectivamente, 15.1, 14.5, 15.1 e 15.3.

Nenhum comentário:

Posição Planetária Atual - Clique na imagem Posição Planetária Atual - NASA

O céu da sua cidade - Clique aqui - Apolo11.com

O Sol Agora - Clique na imagemPosição Planetária Atual - NASA